Radio Olisipo On air -
close

14.11.2022

Destaques . Homepage . Single Destaque . Videoclips

Gustavito ft. Pererê – Flor de Justica (2022) (single)

“Flor de Justiça” é o quarto single do álbum do Pena de Pavão de Krishna, bloco de carnaval que faz em Belo Horizonte uma abordagem crítica e espiritualista da festa. A canção foi escrita por Gustavito Amaral em 2015, quando aconteceu em Mariana o maior crime ambiental da história de Minas Gerais, com o rompimento de uma enorme barragem de rejeitos de mineração, afetando dezenas de municípios e localidades, poluindo rios e contaminando animais. A faixa conta com o convidado especial Sérgio Pererê, que é uma grande referência musical para o grupo. O lançamento aponta para o carnaval 2023 quando o Pavão irá abordar a temática “tira o pé da minha serra”, saindo em defesa deum tombamento da Serra do Curral, que possa impedir que os projetos de mineração avancem na região que circunda a capital mineira.

A letra da canção retrata toda a indignação perante a destruição da natureza pelo ser humano, em busca do lucro sem escrúpulos. O rompimento da barragem é visto também como uma rebelião da natureza, quando o homem tenta esconder a quantidade gigante de lixo que produz e chama atenção como um alerta para a urgência de preservação da natureza no Brasil, em especial no estado de Minas Gerais. Em Minas está a maior quantidade de nascentes de água mineral pura do país, e essas reservas vem sendo ameaçadas pela mineração historicamente na região que desde os tempos coloniais ficou conhecida como fonte de minérios e pedras preciosas. O fato é que a água é que deve ser vista como a grande riqueza e a preservação das montanhas é fundamental para a permanência das nascentes.

Em especial na região da capital Belo Horizonte, existe um conjunto de serras conhecidas como “quadrilátero ferrífero”, que consiste em 4 serras abundantes em minério de ferro. O minério de ferro armazenado na estrutura dessas montanhas funciona na verdade como filtros que purificam a água, e é por isso que nessa região se encontram tantas nascentes puríssimas. A campanha para a preservação da Serra do Curral será o tema do cortejo de carnaval do Bloco em 2023 e busca trazer visibilidade para a urgência em pautar a preservação e o tombamento que pode proteger o que resta dessas fontes naturais de água pura.

O primeiro álbum do Pena de Pavão de Krishna será lançado no pré-carnaval em 2023, quando o bloco comemora 10 anos de existência. Será também um momento marcante pois será a volta do carnaval após 2 anos sem a festa ocorrer por causa da pandemia. O disco conta com a participação dos músicos da banda do bloco: Túlio Ribeiro, Manuel Andrade, Raphael Sales, Leopoldina Azevedo, Maíra Leonel, Kripalu Das e Gustavito Amaral, sendo este último responsável pela direção musical do trabalho. A produção e comunicação fica a cargo de Andrezza Coutinho e Irene do Carmo. O projeto foi viabilizado pela Lei Municipal de Cultura de Belo Horizonte e tem patrocínio da Diefra Engenharia.

Comentários

Deixe seu Comentário